• marketing2052

Leishmaniose Viceral Canina

O que é? Quais os cuidados necessários?

Os períodos de temperaturas mais elevadas são a época do ano mais propícia para várias doenças transmitidas por vetores, como a leishmaniose, e o aumento da presença de ectoparasitas, como pulgas e carrapatos, que intensificam sua multiplicação em ambientes quentes e úmidos.


A leishmaniose é uma doença de evolução crônica que, se não diagnosticada a tempo, pode levar a óbito, além de ser considerada uma zoonose grave. Por isso, a importância de procurar um médico-veterinário sempre que houver qualquer suspeita da enfermidade, e a conscientização das pessoas sobre o que pode ser feito em sua residência, em seu quintal, em sua vizinhança e na comunidade para o controle do flebotomíneo, mais conhecido como mosquito palha que é o responsável pela transmissão da leishmaniose, além da necessidade de manter os cães sempre protegidos com o preventivo indicado pelo médico veterinário.


Aqui estão algumas dicas de prevenção:

• O uso do preventivo para leishmaniose;

• Instalação de telas de proteção nas residências;

• Limpeza dos ambientes, evitando o acúmulo de matéria orgânica;

• Outra dica é passear com o seu cachorro durante o dia. Passeios com os cães no final da tarde e à noite devem ser evitados. já que os mosquitos são mais ativos na parte da noite.

9 visualizações0 comentário