• marketing2052

Linha Pet Nutrition da Hill’s combate problemas gastrointestinais.

Os distúrbios digestivos são todos aqueles que reduzem a digestão e/ou absorção de nutrientes ou que alteram a passagem pelo trato gastrointestinal de pets. De acordo com a consultora profissional veterinária da Hill’s Pet Nutrition, Larissa Risolia, entre os principais observados em cães são: a gastroenterite aguda e crônica, colite, constipação, diarreia, pancreatite, insuficiência pancreática exócrina e síndrome da má absorção, que é ocasionada em algumas situações como doença inflamatória intestinal e linfangiectasia.


A profissional comenta que o aparecimento de sinais clínicos gastrointestinais, como vômito e diarreia, podem estar relacionados a diversos distúrbios que acometem esse sistema e não há idade específica que esteja relacionada com o seu surgimento, considerando as diversas doenças envolvidas. “De maneira geral, as manifestações dos sinais clínicos são semelhantes entre cães e gatos e envolvem: diarreia, vômito, dor abdominal, aumento da produção de gases, perda de apetite e, até mesmo, perda de peso”, enumera.


É muito importante que o médico-veterinário verifique a porção intestinal acometida no caso da ocorrência de diarreias e, também, a duração do aparecimento dos sinais clínicos para poder classificar a alteração em aguda (até duas semanas) ou crônica (a partir da terceira semana). Deve-se observar alterações em exames complementares que podem ser: exames de sangue (albumina, proteína total, globulina e bioquímicos, “TLI” trypsin-like immunoreactivity), ultrassonografias, endoscopias e biópsias. “O histórico clínico do animal também deve ser levado em consideração, principalmente, em casos de pancreatite. Além disso, no caso de suspeita de hipersensibilidade alimentar deve-se sempre realizar seu protocolo de diagnóstico por meio da dieta de eliminação pelo período de 8 a 12 semanas”.


Larissa explica que pacientes que estão apresentando sinais gastrointestinais vão possuir necessidades nutricionais específicas. “Dietas com este perfil são capazes de aliviar os sinais clínicos, reabastecer as reservas de nutrientes, normalizar os movimentos peristálticos e reparar o epitélio e a microbiota intestinal. Isso pode ser obtido com a inclusão de um perfil adequado de fibras, fornecimento de ingredientes altamente digestíveis, inclusão de eletrólitos para repor os que foram perdidos pelo vômito e diarreia, uso de probióticos para restaurar a microbiota intestinal e proporcionar a produção de ácidos graxos de cadeia curta que irão auxiliar na manutenção da mucosa intestinal”.

A Hill’s possui o alimento Hill’s Prescription Diet i/d Gastrointestinal cão que é formulado para cães adultos com distúrbios gastrointestinais. Na forma seca, está disponível nos tamanhos 2kg e 10,1kg e, também, na opção pedaços pequenos nos tamanhos 2kg e 7,5kg. Este alimento também pode ser encontrado na forma úmida, o Hill’s Prescription Diet i/d Cuidado Digestivo cão, que está presente na lata de 370g. Para gatos com distúrbios alimentares, o alimento indicado é o Hill’s i/d Cuidado Digestivo felino, comercializado em latas de 82g.


Larissa adiciona que, no caso de cães com hipersensibilidade alimentar e doença inflamatória intestinal, a Hill’s conta com o alimento Hill’s Prescription Diet z/d cão, formulado para cães adultos com alergia alimentar e reações adversas ao alimento. Ele está disponível na forma seca no tamanho de 3,6kg e pode ser encontrado, também, em pedaços pequenos no tamanho de 3,17kg. Sua versão úmida é encontrada em latas de 370 gramas. Por fim, para cães com enteropatias responsivas a fibra, a Hill’s possui o alimento Hill’s Prescription Diet w/d Multi-Benefit cão, encontrado na versão seca no tamanho 1,5kg e 3,8kg e na versão úmida é encontrado em latas de 370g. Esse produto também está disponível para gatos na versão seca de 1,8kg.



Hill’s Pet Nutrition conta com o auxílio de um centro de pesquisa localizado em Topeka (EUA), que disponibiliza o que tem de mais novo na ciência para formular os melhores alimentos para cães e gatos.

1 visualização